post03

Você sabe ou já parou para pensar sobre quais são os benefícios que a prática do Pilates pode trazer para seu corpo?

Resolvi compartilhar com vocês um pouco sobre esse assunto, pois as vezes as pessoas desconhecem esses benefícios e por falta de conhecimento acabam não procurando uma atividade física tornando-se sedentárias, o que pode vir a prejudicar muito a qualidade de vida, de repente não agora, mas futuramente. Lembrando que todos os exercícios são acompanhados de um instrutor Educador Físico ou Fisioterapeuta ou, se você quiser, pode realizar os exercícios em casa, mas sempre com o máximo de cuidado.

Então, olha só no que o Pilates pode te ajudar e te fazer muito mais feliz!

Melhora da postura;

– Alívio de dores, principalmente das costas;

– Aumento da força e tonificação muscular;

– Aumento da flexibilidade e amplitude;

– Promoção do equilíbrio, prevenindo quedas;

– Alívio de tensões e combate ao stress e fadiga;

– Previne a incontinência urinária;

– Melhora a respiração e o autocontrole;

– Ajuda na recuperação e previne lesões recorrentes;

– Promove boa forma física;

O método, originalmente denominado “Contrologia” por seu criador, mas hoje conhecido por seu sobrenome “Pilates” distingue-se por trabalhar de forma intensa a musculatura abdominal – a “casa de força” ou “Power House”, enquanto procura fortalecer e alongar as outras partes do corpo por meio de exercícios de baixo impacto e com poucas repetições, executados de maneira fluída.

Pilates acreditava que o objetivo de uma pessoa saudável era ter uma mente forte e com ela obter o controle total do próprio corpo. Criou mais de quinhentos exercícios, caracterizados por alongar e fortalecer simultaneamente a musculatura, que podem ser feitos no solo, sobre um colchonete (os mat exercises), utilizando a resistência do próprio corpo, ou realizados em aparelhos de sua invenção, dotados de molas e polias para promover a resistência.

Exercícios convencionais baseiam-se em músculos isolados, trabalhando cada área individualmente, em vez de tratar o corpo como o todo integrado que ele é. A péssima condição física na qual muitos se encontram atualmente resulta de um desequilíbrio causado pela prática de exercícios complicados e ineficientes, que isolam certas partes do corpo, ignorando outras. Se o objetivo de se exercitar é equilibrar o corpo, aumentar a circulação sanguínea e a resistência, diminuir o estresse, melhorar a aparência e se sentir bem, então jamais se pode deixar de lado o único método que provou sua habilidade em conseguir todas essas coisas.

Se você gostou, se identificou com esse post, deixa seu comentário aqui em baixo para trocarmos uma ideia. 😉

Comentários